quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Ser cuiabano não tem preço

Ser de Chapa e Cruz e ser pé rachado…
Mas vale ser pau rodado!
Ser Cuiabano é falar
‘vôte’, ‘vixi’, ‘agora quándo’, ‘quê quê é êsse’, ‘cordeiro’, ‘chá por Deus’ ‘moáge’ e outras inúmeras cuiabanisses…… Ser o celeiro do Brasil (produzir soja, algodão, cana de açúcar…)
… Ser do Estado que mais cresce no Brasil…
… Ser o terceiro maior do Brasil em extensão, mas o primeiro em belezas naturais…
… Ser fã do Pescuma, Henrique e Claudinho, Nico e Lau…
… Ficar injuriado quando confundem Mato Grosso
 
COM 
Mato Grosso do Sul,
… Ficar indignado quando os vizinhos do Sul se denominam ‘Estado do Pantanal’…
(Como se fosse só deles…)
… Poder tomar banho de cachoeiras, contemplar as belezas de Chapada dos Guimarães ou Manso, visitar o Pantanal pra pescar ou passear, mergulhar em Nobres, se maravilhar com o Araguaia, perder o fôlego em Jaciara, ou se surpreender com a Amazônia…
… Dançar Rasqueado, Lambadão, Cururu e Siriri…
.. Falar pra todo mundo que Cuiabá é a cidade mais quente do Brasil
e porque não do Mundo?
… Ficar tranqüilo quando a previsão do tempo diz que no dia seguinte a temperatura máxima vai ser de 40°C… E preocupado quando diz que vai fazer menos que 20°C….
… Torcer pro Mixto Esporte Clube ou pro Operário e se emocionar com o Verdão lotado (embora faça muito tempo isso não ocorra)…
… Ser devoto de
São Benedito

… Defender nossas tradições, cultura…
… Correr pra aumentar o volume da televisão quando aparece alguma reportagem em cadeia nacional, embora que as notícias não sejam das melhores…
… Ter uma Viola de Cocho ou um Ganzá…
… Ter um belo pôr-do-sol todos os dias…
… Ser o Centro Geodésico da América do Sul. Ser o coração (ou numa visão menos poética ser o umbigo) da América do Sul…
… Ser conterrâneo de Marechal Cândido Rondon, Dom Aquino Correa, Eurico Gaspar Dutra, Totia Meirelles…
… Morar no Coxipó, Centro, Baú, Goiabeiras, Porto, Dom Aquino, Bosque da Saúde, Lixeira ou CPA…
… Comer pastel na Feira do Porto…
… Subir a Getulio Vargas e descer a Isaac Póvoas…
…correr no Parque Mãe Bonifácia..

... fazer um lanche do Fabico na prainha...
... tomar uma gelada da Praça Popular ou no Getúlio Grill...
… tomar escaldado no
Choppão no final da noite…
… Jogar truco espanhol, brasileiro e bozó…
… Viver na Cidade Verde…
… Ter uma das noites mais agitadas do Brasil…
… Ir bem ali e almoçar na
Chapada, no Morro dos ventos!
…De preferência bem acompanhado!
…Dar uma passadinha no
Mirante pra ver Cuiabá…
…E ainda dar tempo de voltar pra trabalhar…
… Ter
Igreja N. S. do Rosário e Capela de São Benedito,Igreja do N. S. do Bom Despacho, Santuário N. S. Auxiliadora, Sesc Arsenal, Palácio da Instrução, Liceu Cuiabano, Morro da Caixa D´Agua…
… Defender essa terra a qualquer custo (mas também reconhecer que tem muita coisa pra melhorar, assim como as coisas que estou escrevendo)…
… Ficar sentado na porta de casa, jogando dominó ou bozó e conversando fiado…
… Ser hospitaleiro e receber gente de todos os cantos do Brasil e do mundo, com muito prazer e como não acontece em nenhum lugar…
… Comer Chipa, Bolo de arroz ou de Queijo na Dona Eulália no Bairro da Lixeira, comer Maria Izabel, Ventrecha de Pacú, Filé de Pintado frito, Mojica de Pintado, Pacú ou Peraputanga Assada na Folha de Bananeira, Farofa de Banana ou Paçoca no Pilão e Arroz com Pequi no Regionalíssimo no Museu do Rio, Detalhe na "Beira Rio" no Bairro do Porto, Frango com Pequi, Galinha Caipira, Cabeça de Boi, se deliciar com nossos doces Pixé, Xinxo o tradicional Doce de Cajhu…e também o de Furrundú...… No meio da manhã e da tarde é obrigatório uma pausinha… pra tomar um Sorvete ou um Capuccino! e durante o dia todo muita água gelada!
… Não tomar café da manhã, e sim o
‘Quebra Torto’…… Ou ainda não tomar lanche a tarde e sim o ‘Tchá cô Bolo’ (Chá com bolo)…
… Ter um pé de manga, de cajú ou de goiaba no quintal (ou simplesmente ter um quintal)…
… tomar guaraná ralado pra despertar…
… Ser uma cidade preocupada com o presente, com as raízes no passado e com os olhos no futuro…
… É enfim não deixar de pensar um só momento nessa terra privilegiada…
Eu
AMO minha cidade, Eu AMO Cuiabá!!!
Espero você aqui, a boa recepção é garantida!
Se comer cabeça de Pacú… pode não querer voltar de onde veio, pois isso é fato…
**Para àqueles que não conhecem, minha terra não tem só jacaré, cobra, capivara e onça pintada… por trás disso, existem coisas maravilhosas, muitas riquezas… e tem,
principalmente, quem mora aqui!
 Ser Cuiabano não tem preço!!!

Nenhum comentário: