terça-feira, 3 de maio de 2011

ONG espalha livros no Dia da Educação

 


Cerca de 800 livros foram espalhados por bancos de praças e bares na Cinelândia, centro da cidade do Rio do Janeiro ontem, 28 de abril, Dia da Educação.
A iniciativa é da organização não-governamental Ação da Cidadania e pretende incentivar a leitura. Quem encontrar um livro deve lê-lo e, posteriormente, deixá-lo em outro espaço público para que outra pessoa conheça a história.
"Por meio de um marcador, dentro da obra, alertamos aos leitores que depois de usados, os livros devem ser deixados em um lugar público para outra pessoa", explica a coordenadora da campanha, Valesca Xavier. Segundo ela, a medida incentiva a leitura e estimula a educação, uma das formas mais importantes de se combater a miséria.
"O indivíduo que não lê, que lê mal, tem baixa escolaridade", afirmou. "Se tem baixa escolaridade, tem um sub-emprego, então, ele tem baixa renda, se tem baixa renda, pode ter fome, se tem fome não estuda", relacionou Xavier.

Fonte: UOL Educação / Ação da Cidadania

Nenhum comentário: